Revista Photoshop Creative para iPad. Download gratis

Você buscou por: Fotos ao Vento 2

Resultados em:
Página 1 de 76
The Birth
VITA CHAPTER III – HUMANUS THE BIRTH “VISTO O NASCIMENTO DO UNIVERSO, PRESENCIADO AS COMPORTAS DOS CÉUS, AGORA DIANTE DA ORIGEM DO HOMEM. ESSE SOU EU, VITA, O ÚLTIMO SER REMANESCENTE DAS OBRAS DE DARKUS, LUX E HUMANUS.” No principio, Deus criou o céu e a terra. A terra, porém, estava informe e vazia, trevas cobriam o abismo e o Espírito de Deus pairava sobre as águas. Ao acordar, assim como havia escutado, o ponteiro das criações começou a se mover, mostrando-me a era da criação do mundo. Primeiro Dia: Disse Deus: Faça-se a Luz! E a luz foi feita. Deus transformou LUX no conceito da luz e o que hoje chamamos de dia e às trevas nomeado agora Darkus o representante da noite. Houve tarde e manhã, onde eram os momentos que os dois irmãos se encontravam para reequilibrar todas as coisas. Segundo Dia: Disse Deus: Apareça o firmamento que separe as águas das águas! E assim se fez. Deus chamou ao firmamento de céu. De forma semelhante aos CÉUS, mas não tão grandioso, foi-se criado o ar, a atmosfera e nascido o elemento do Vento. Terceiro Dia: Disse Deus: As águas que estão debaixo do céu se reúnam num só lugar e apareça superfície enxuta! E foi feito. Deus chamou a superfície enxuta de terra e às águas reunidas deu o nome de mar. Disse Deus: Produza a terra ervas, plantas e árvores frutíferas. E assim se fez. Criadas a partir da boca do Altíssimo, os elementos da Água, Terra e Flora foram nascidos e com eles todos os seus frutos. Quarto Dia: Disse Deus: Haja luz no firmamento. Assim se fez. Deus formou o sol, a lua, as estrelas e os colocou no firmamento para dar luz a terra e indicarem o tempo. Também nascidos agora o elemento do Fogo e do Gelo. Quinto Dia: Disse Deus: Haja peixes na água e pássaros no ar! No mesmo instante apareceram peixes e tudo quanto vive nas águas e também pássaros de diferentes espécies. Deus os abençoou e disse: Crescei e Multiplicai-vos! Sexto Dia: Enfim Disse Deus: Produza à terra animais quadrúpedes e répteis. E assim se fez. Em último lugar, Deus criou o homem, a partir de HUMANUS a essência da vida, o selo e o coração humano foi entregue ao primeiro da espécie. Ele tirou pó do chão e transformou-o num homem e depois Ele soprou o Seu próprio ar para aquele homem e ele ficou vivo. Deus chamou aquele primeiro homem Adão. Depois Deus deu ao homem uma casa num lindo jardim que Ele plantou. Neste jardim haviam muitas árvores lindas com todo o tipo de comida para o Adão comer. Deus fez rios neste jardim e pedras preciosas muito especiais e ouro; e Ele disse a Adão para cuidar da sua nova casa, perfeita e maravilhosa. O nome do jardim era Jardim do Edén. Os animais viviam também no jardim e Deus disse a Adão para dar nomes a todos os animais. Quando Deus fez com que todos os animais fossem até Adão para terem os seus nomes, Adão sabia exatamente o que lhes chamar (que nome lhes dar). Os animais foram até ele dois a dois: um pai e uma mãe ovelha, um pai e mãe macaco, um pai e uma mãe cão, até não sobrar mais nenhum animal para dar nome. Então Adão sentiu-se muito triste. Sabem porquê? Porque todos os pais animais tinham mães animais e todas as mães animais tinham pais animais, e eles eram tão felizes juntos. Mas Adão estava sozinho e ele nem podia sequer falar com alguém. Deus sabia o quão só Adão estava, e Ele sabia que Adão precisava de uma adjutora, uma esposa. Estando Adão sentado, a sentir-se triste e sozinho, Deus fê-lo cair num sono profundo. Enquanto ele estava adormecido, Deus tirou um dos ossos de Adão, a sua costela, e dela fez uma bela mulher, a sua esposa. Podem imaginar como Adão ficou, ao acordar e ver a sua adjutora, a sua mulher/esposa? O seu nome era Eva. Então Deus disse a Adão para ser o rei da terra de Deus, para reinar sobre ela, tomar conta dela e para usá-la. E Ele disse a Adão e Eva para terem muitos filhos, e netos e bisnetos para viverem na Sua terra, pois Deus deu a Sua terra ao Seu povo como um presente. O belo jardim do Éden onde Adão e Eva viveram era perfeito. Nada lá morria, e não havia mal algum nele; e Adão e Eva não faziam nenhuma coisa errada, pois não havia pecado no jardim. Todos os dias eles falavam com Deus. Sétimo Dia: Deus descansou de toda a sua obra, abençoou e santificou este dia.


TAGS: manipulação fantasy floresta conceitual Eden Gênesis

The Celestial Kingdom
VITA CHAPTER II – LUX THE CELESTIAL KINGDOM “AO ABRIR OS OLHOS PARA UM NOVO MUNDO, ENCONTREI-ME ENVOLTO AO EXTREMO PODER DO ALTÍSSIMO, VISLUMBRADO POR NOTAR O NASCIMENTO DO CÉU E DA ERA DA LUZ. ESSE SOU EU, VITA, O ÚLTIMO SER REMANESCENTE DAS OBRAS DE DARKUS, LUX E HUMANUS.” ...Os céus haviam se formado, a luz penetrava meu interior e insinuava a grandeza e majestade daquele lugar. O grande par de asas que outrora empurrava o vento da criação, agora se fechava e formava-se algo como uma estrela, feita de cristal, dela surgia todas as cores que existem. Ao olhar para a porção de nuvem abaixo que se parecia com um tapete dourado pude perceber que ergueram torres, castelos e uma notável gama de construções que não compreendia, mas que faziam meus olhos quererem admirar por tempo indeterminado. Ouvi a voz de LUX, que me dizia com um som agradável e simplório: “Belo homem, remanescente da sua espécie, o que vês, nada mais é do que a habitação eterna daqueles que o PODEROSO criou, o lar da luz, o REINO CELESTIAL. Aqui há a promessa e perpétua realidade de paz, vida e imortalidade.” Olhei para o alto, vi um brilho semelhante ao sol, porém muitíssimo maior, LUX disse-me que a luz representava um fragmento dos pés do PODEROSO. Olhei então em direção ao centro daquele vale alado e sagrado, LUX e Darkus surgiram um ao lado do outro, dos dois emanou-se um pequeno sol, a ele foi-se dado o nome de anjo. O ALTÍSSIMO então soou uma voz estrondosa e infinitamente poderosa: “Este anjo, primeiro da sua espécie, será chamado de Lux Fero, o portador da Luz, também conhecido como a Estrela da Manhã, será entre os da sua categoria, o mais poderoso e detentor de vasta sabedoria”. Este ser que acabava de ver nascer impunha uma energia tão forte e avassaladora que tremia as comportas de todos os céus, também vi nascerem outros anjos e tão logo, a hierarquia angelical imposta sobre o reino dos céus. LUX e DARKUS me descreveram estes seres: SERAFINS Diz que sua natureza ígnea espelha a exuberância de sua atividade perpétua e infatigável, e sua capacidade de inflamar os anjos inferiores no cumprimento dos desígnios divinos, purificando-os com seu fogo e iluminando suas inteligências, destruindo toda sombra. QUERUBINS Têm o poder de conhecer e contemplar a Deus, e serem receptivos ao mais alto dom da luz e da verdade, à beleza e à sabedoria divinas em sua primeira manifestação. Estão cheio do amor divino e o derramam sobre os níveis abaixo deles. TRONOS São identificados com os 24 anciãos que perpetuamente se prostram diante de Deus e a Seus pés lançam suas coroas. São os símbolos da autoridade divina e da humildade, e da perfeita pureza, livre de toda contaminação. DOMINAÇÕES Têm a função de regular as atividades dos anjos inferiores, distribuem aos outros anjos as funções e seus mistérios, e presidem os destinos das nações. São anjos que auxiliam nas emergências ou conflitos que devem ser resolvidos logo. Também atuam como elementos de integração entre os mundos materiais e espirituais, embora raramente entrem em contato com as pessoas. VIRTUDES As Virtudes são os responsáveis pela manutenção do curso dos astros para que a ordem do universo seja preservada. São encarregados de eliminar os obstáculos que se opõe ao cumprimento das ordens de Deus, afastando os anjos maus que assediam as nações para desviá-las de seu fim, e mantendo assim as criaturas e a ordem da Divina providência. POTESTADES São descritos como anjos guerreiros completamente fiéis a Deus. Seus atributos de organizadores e agentes do intelecto iluminado. PRINCIPADOS Como seu nome indica, estão revestidos de uma autoridade especial: são os que presidem os reinos, as províncias, e as dioceses, e velam pelo cultivo de sementes boas no campo das ideologias, da arte e da ciência. Encarregados de receber as ordens das Dominações e Potestades e transmiti-las aos reinos inferiores. ARCANJOS Seu caráter de mensageiros, ou intermediários, é assinalada pelo seu papel de elo entre os Principados e os Anjos, interpretando e iluminando as ordens superiores para seus subordinados, além de inspirar misticamente as mentes e corações humanos para execução de atos de acordo com a vontade divina. Atuam assim como arautos dos desígnios divinos, tanto para os Anjos como para os homens. ANJOS Os anjos são os seres angélicos mais próximos do reino humano, o último degrau da hierarquia angélica acima descrita. São dotados de vários poderes supernaturais, como o de se tornarem visíveis e invisíveis à vontade, voar, operar milagres diversos e consumir sacrifícios com seu toque de fogo. Feitos de luz e fogo sua aparição é imediatamente reconhecida como de origem divina também por sua extraordinária beleza. CONTINUA.


TAGS: photoshop manipulação céu fantasy surreal conceitual portal Anjos New Era

Página 1 de 76


Abel Costa



51 imagens na galeria
das quais recebeu 1 fav
e nota máxima 8.8


Últimas postagens Mais lidas